Close

Graduação em Agronomia

Ato Autorizativo: Portaria 04/2007, de 12 de janeiro de 2007
Ato de Reconhecimento: Portaria 2874/2013, de 10 de dezembro de 2013
Objetivo do Curso: Formar profissionais capazes de atuar de forma crítica e criativa na identificação e resolução de problemas, e dotar os discentes de discernimento e habilidades para pesquisar, propor, gerenciar e conduzir tecnicamente mudanças, bem como a utilizar racionalmente os recursos disponíveis, com a constante preocupação da preservação do ambiente e sua sustentabilidade.
Vagas de Vestibular: 120 vagas por ano
Turno: Integral com predominância noturno
Carga Horária Total: 4.228
Número de Períodos: 10
Quantidade de Professores: 28
Número Total de Alunos: 496

Riccely Ávila Garcia

Resumo de Currículo: Engenheiro Agrônomo pela Universidade Luterana do Brasil/Instituto de Ensino Superior de Itumbiara-GO, Mestre em Agronomia pela Universidade Federal de Uberlândia e Doutor em Agronomia pela Universidade Federal de Goiás. Atualmente é Professor e Coordenador do Curso de Engenharia Agronômica da Fundação de Ensino Superior de Goiatuba. Tem experiência na área de Fitopatologia e Produção Vegetal, com ênfase em Sclerotinia sclerotiorum, diagnose de doenças, manejo integrado de doenças em grandes culturas e hortaliças.

Curriculo Lattes: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/busca.do

Ato de nomeação na FAFICH: Portaria nº 702/2015, de 17 de dezembro de 2015.

A agricultura, considerada como a ciência do cultivo de vegetais e da criação de animais, vem evoluindo ao longo dos séculos juntamente com a evolução do homem, até atingir nas últimas décadas um padrão de características intensiva, industrializada e com grande atributo comercial, tudo isso graças à adoção do conceito de agronegócio, que possibilitou os primeiros passos do desenvolvimento tecnológico e científico da humanidade, através da adoção de novas técnicas de cultivo.

Dentro deste contexto, o Engenheiro Agrônomo moderno deve estar preparado para atuar em um mercado de trabalho competitivo e dinâmico, no qual a geração e utilização de novas tecnologias é um dos fatores primordiais ao pleno exercício profissional. Assim sendo, devem estar capacitados para o exercício profissional e para a pesquisa de novas tecnologias, permitindo-lhes, assim, orientar e promover uma eficiente administração da empresa rural, utilização do solo, do meio ambiente, da produção animal e vegetal e comercialização de produtos agropecuários.

Com estas características, o Engenheiro Agrônomo possui capacidade de explorar racionalmente e de forma sustentável, novas áreas de produção além de procurar aumentar a produtividade dos sistemas agrícolas tradicionais, contribuindo de forma objetiva para o desenvolvimento regional e nacional.

O curso de Engenharia Agronômica da FAFICH iniciou-se no ano de 2007, com autorização por meio da Portaria do Gabinete Civil da Governadoria nº 1.126 de 06 de setembro de 2006. O curso está sintonizado com as demandas locais para a profissão do Engenheiro Agrônomo, e inserido socialmente com as comunidades circunvizinhas, sendo que boa parte do alunado do curso advém dos diversos municípios da região sul de Goiás.

O Curso de Agronomia tem como objetivo formar profissionais capazes de atuar de forma crítica e criativa na identificação e resolução de problemas, e dotar os discentes de discernimento e habilidades para pesquisar, propor, gerenciar e conduzir tecnicamente mudanças, bem como a utilizar racionalmente os recursos disponíveis, com a constante preocupação da preservação do ambiente e sua sustentabilidade. Seus objetivos específicos são:

  • Formar profissionais aptos a promover, orientar e administrar a utilização dos fatores de produção, com vistas a racionalizar a produção vegetal e animal, em harmonia com o ecossistema;
  • Capacitar os futuros profissionais ao planejamento, pesquisa e utilização de processos e técnicas adequadas à solução de problemas relacionados ao desenvolvimento qualitativo e quantitativo dos produtos agropecuários tanto no contexto regional e nacional;
  • Proporcionar formação técnica e humanista ao corpo discente de modo a promover o desenvolvimento de sua capacidade de compreensão da realidade e de sua habilidade para criar e implementar decisões;
  • Proporcionar condições para o desenvolvimento de profissionais que sejam capazes de buscar novas fronteiras de atuação e contribuir para o avanço econômico e social através da adaptação, criação e/ou desenvolvimento de tecnologias.
CÓDIGO DISCIPLINA PRÉ-REQUISITO Categoria CHS HS CHT
1o Período
AGRO 1 Informática Aplicada a Agricultura NC 2 20 40
AGRO 2 Desenho Técnico NC 4 20 80
AGRO 3 Ética e Exercícios Profissionais NC 2 20 40
AGRO 4 Metodologia Científica NC 2 20 40
AGRO 5 Zoologia Geral NC 6 20 120
AGRO 6 Botânica I NC 4 20 80
AGRO 7 Cálculo I NC 4 20 80
AGRO 8 Português Instrumental NC 2 20 40
    26 520
2o Período
AGRO 9 Química I NC 4 20 80
AGRO 10 Botânica II AGRO 6 NE 4 20 80
AGRO 11 Física I NC 2 20 40
AGRO 12 Cálculo II AGRO 7 NE 4 20 80
AGRO 13 Agroclimatologia NC 2 20 40
AGRO 14 Estatística Básica NC 4 20 80
AGRO 15 Fisiologia Vegetal NC 4 20 80
    24 480
3o Período
AGRO 16 Anatomia e Fisiologia Animal NC 4 20 80
AGRO 17 Química II AGRO 09 NC 4 20 80
AGRO 18 Física II AGRO 11 NE 2 20 40
AGRO 19 Pedologia NC 4 20 80
AGRO 20 Genética NC 4 20 80
AGRO 21 Estatística Experimental AGRO 14 NE 4 20 80
AGRO 22 Topografia AGRO 12 NC 4 20 80
    26 520
4o Período
AGRO 23 Ecologia e Meio Ambiente NC 4 20 80
AGRO 24 Sociologia e Extensão Rural NC 4 20 80
AGRO 25 Bioquímica NC 2 20 40
AGRO 26 Geoprocessamento e Sensoriamento Remoto NC 4 20 80
AGRO 27 Microbiologia Geral NC 4 20 80
AGRO 28 Entomologia Geral AGRO 5 NC 4 20 80
AGRO 29 Máquinas e Mecanização Agrícolas I NC 2 20 40
    24 480
5o Período
AGRO 30 Máquinas e Mecanização Agrícolas II AGRO 29 NE 2 20 40
AGRO 31 Agricultura Geral NC 2 20 40
AGRO 32 Método e Melhoramento de Plantas AGRO 20 NC 4 20 80
AGRO 33 Manejo e Conservação de Solo e Água NC 4 20 80
AGRO 34 Fitopatologia NC 6 20 120
AGRO 35 Entomologia Agrícola AGRO 28 NC 4 20 80
AGRO 36 Irrigação NC 4 20 40
AGRO 37 Tecnologia e Produção de Sementes NC 2 20 40
    28 520
6o Período
AGRO 38 Fertilidade de Solos AGRO 19 NE 4 20 80
AGRO 39 Agricultura I NC 4 20 80
AGRO 40 Controle de Plantas Daninhas NC 4 20 80
AGRO 41 Hidráulica e Drenagem AGRO 33 NE 4 20 80
AGRO 42 Forragicultura NC 4 20 80
AGRO 43 Alimentos e Nutrição Animal NC 2 20 40
    22 440
7o Período
AGRO 44 Desenvolvimento Sustentável NC 4 20 80
AGRO 45 Fruticultura Geral NC 4 20 80
AGRO 46 Olericultura NC 4 20 80
AGRO 47 Construções e Edificações NC 4 20 80
AGRO 48 Zootecnia I NC 4 20 80
AGRO 49 Agricultura II AGRO 39 NE 4 20 80
AGRO 50 Gestão de Empresas Rurais NC 4 20 80
    28 560
8o Período
AGRO 51 Zootecnia II AGRO 48 NE 4 20 80
AGRO 52 Silvicultura NC 4 20 80
AGRO 53 Economia Rural NC 4 20 80
  Optativa OP 2 20 40
  Optativa OP 2 20 40
  Optativa OP 2 20 40
    18 360
9o Período
AGRO 54 Tecnologia de Produtos de Origem Vegetal NC 2 20 40
AGRO 55 Tecnologia de Produtos de Origem Animal NC 2 20 40
AGRO 56 Paisagismo e Floricultura NC 4 20 80
AGRO 57 Trabalho Conclusão Curso NC 2 20 40
  Optativa OP 2 20 40
  Optativa OP 2 20 40
  Optativa OP 2 20 40
  Optativa OP 2 20 40
    18 360
Optativas
  Análise de Investimentos e Elaboração de Projetos Agropecuários
  Política Agrícola
  Introdução ao Agronegócios
  Plantas Medicinais e Aromáticas
  Planejamento Empresarial
  Gestão Ambiental
  Administração Recursos Humanos
  Agricultura Orgânica
  Gerência e Promoção Vendas
  Comercialização Agrícola
  Associativismo e Cooperativismo
 
  NE = Núcleo específico
  NC = Núcleo comum
  CHS = Carga horária semanal
  CHT = Carga horária total: 4200
  Créditos: 210
  Estágio: 300
  Total: 4600

 

MATRIZ CURRICULAR II

Código Disciplina PRÉ-REQUISITO CATEGORIA CHS CHT
1o Período          
AGRO 1 Informática Aplicada a Agricultura NCB 2 33
AGRO 2 Introdução a Agronomia NCPEss. 2 33
AGRO 3 Zoologia Geral NCB 4 66
AGRO 4 Biologia Celular Aplicada a Agronomia NCB 4 66
AGRO 5 Cálculo I NCB 4 66
AGRO 6 Química Geral e Analítica NCB 4 66
AGRO 7 Física I NCB 2 33
AGRO 8 Português Instrumental NCB 2 33
AGRO 9 Metodologia Científica NCBEss. 2 33
        26 429
2o Período          
AGRO 10 Química Orgânica NCB 4 66
AGRO 11 Morfologia e Anatomia Vegetal AGRO 4 NCB 4 66
AGRO 12 Física II NCB 2 33
AGRO 13 Cálculo II AGRO 5 NCB 4 66
AGRO 14 Anatomia e Fisiologia Animal AGRO 4 NCPEss. 4 66
AGRO 15 Desenho Técnico AGRO 1 NCB 4 66
AGRO 16 Pedologia NCPEss. 4 66
        26 429
3o Período          
AGRO 17 Fisiologia Vegetal AGRO 11 NCPEss. 4 66
AGRO 18 Sistemática Vegetal AGRO 11 NCB 2 33
AGRO 19 Agrometeorologia NCPEss. 4 66
AGRO 20 Genética AGRO 4 NCB 4 66
AGRO 21 Estatística Básica NCB 4 66
AGRO 22 Bioquímica Geral AGRO 6 e AGRO 10 NCB 2 33
AGRO 23 Topografia AGRO 13 NCPEss. 4 66
AGRO 24 Fertilidade do Solo e Nutrição de Plantas AGRO 16 NCPEss. 4 66
        28 462
4o Período          
AGRO 25 Microbiologia Agrícola AGRO 4 NCPEss. 4 66
AGRO 26 Estatística Experimental AGRO 21 NCPEss. 4 66
AGRO 27 Adubos e Adubação AGRO 24 NCPEss. 2 33
AGRO 28 Entomologia e Acarologia Geral AGRO 3 NCPEss. 4 66
AGRO 29 Máquinas e Mecanização Agrícola NCPEss. 4 66
AGRO 30 Construções e Eletrificação Rural AGRO 15 NCPEss. 4 66
AGRO 31 Nematologia Agrícola AGRO 3 NCPEss. 2 33
        24 396
5o Período          
AGRO 32 Agricultura I AGRO 27 NCPEss. 4 66
AGRO 33 Melhoramento de Plantas AGRO 20 NCPEss. 4 66
AGRO 34 Fitopatologia I AGRO 25 e AGRO 31 NCPEss. 4 66
AGRO 35 Entomologia Agrícola AGRO 28 NCPEss. 4 66
AGRO 36 Hidráulica Agrícola AGRO 7 NCPEss. 4 66
AGRO 37 Manejo e Conservação do Solo e da Água AGRO 16 NCPEss. 2 33
AGRO 38 Ecologia e Meio Ambiente NCPEss. 4 66
        26 429
6o Período          
AGRO 39 Tecnologia e Produção de Sementes AGRO 17 NCPEss. 4 66
AGRO 40 Agricultura II AGRO 27 NCPEss. 4 66
AGRO 41 Alimentos e Nutrição Animal AGRO 14 e AGRO 22 NCPEss. 2 33
AGRO 42 Controle de Plantas Daninhas AGRO 17 NCPEss. 4 66
AGRO 43 Fitopatologia II AGRO 34 NCPEss. 4 66
AGRO 44 Irrigação e Drenagem AGRO 36 NCPEss. 4 66
AGRO 45 Forragicultura AGRO 27 NCPEss. 4 66
        26 429
7o Período          
AGRO 46 Olericultura I AGRO 27 NCPEss. 4 66
AGRO 47 Agricultura III AGRO 27 NCPEss. 4 66
AGRO 48 Desenvolvimento Sustentável NCPEss. 4 66
AGRO 49 Economia Rural NCPEss. 4 66
AGRO 50 Propagação de Plantas AGRO 17 NCPEss. 2 33
AGRO 51 Zootecnia I AGRO 14 NCPEss. 4 66
AGRO 52 Direito Agrário NCPEsp. 2 33
AGRO 53 Secagem e Armazenamento de Grãos AGRO 39 NCPEss. 2 33
        26 429
8o Período          
AGRO 54 Olericultura II AGRO 27 NCPEss. 2 33
AGRO 55 Fruticultura AGRO 27 e AGRO 50 NCPEss. 4 66
AGRO 56 Produção Florestal AGRO 11 e AGRO 37 NCPEss. 4 66
AGRO 57 Trabalho de Conclusão de Curso I AGRO 9 e AGRO 26 NCPEsp. 2 33
AGRO 58 Sensoriamento Remoto AGRO 23 NCPEss. 4 66
AGRO 59 Ética e Legislação Profissional na Agronomia NCPEss. 2 33
AGRO 60 Proteção de Plantas  AGRO 29, AGRO 31, AGRO 35, AGRO 42 E AGRO 43 NCPEss. 4 66
AGRO 61 Zootecnia II AGRO 14 NCPEss. 4 66
        26 429
9o Período          
AGRO 62 Tecnologia de Produtos Agropecuários AGRO 22 NCPEss. 4 66
AGRO 63 Paisagismo e Floricultura AGRO 17 NCPEss. 4 66
AGRO 64 Trabalho de Conclusão de Curso II AGRO 57 NCPEsp. 2 33
AGRO 65 Administração Rural e Projetos Agropecuários AGRO 49 NCPEss. 4 66
AGRO 66 Sociologia e Extensão Rural NCPEss. 4 66
AGRO 67 Optativa 2 33
AGRO 68 Optativa 2 33
AGRO 69 Optativa 2 33
  24 396
10o          
AGRO 70 Estágio Supervisionado NCPEsp. 300
Disciplina Optativa: Empreendedorismo e Promoção de Vendas NCPEss. 2 33
Disciplina Optativa: Gestão Ambiental na Agricultura NCPEss. 2 33
Disciplina Optativa: Política e Comercialização Agrícola NCPEss. 2 33
Disciplina Optativa: Agricultura Orgânica NCPEss. 2 33
Disciplina Optativa: Libras NCB 2 33

 

Corpo Docente Titulação Área de Conhecimento Regime de Trabalho
Adélia Cristina Fernandes Silva Pós-Doutora Biologia Integral
Alzair Eduardo Pontes Mestre Administração e Direito Integral
Arlete Gomes Rosa Mestre Biologia Integral
Carlos Roberto da Silva Especialista Engenheiro Agronômo Parcial
Daniel de Almeida Mestre Engenheiro Mecânico Integral
Eiko Mori Andrade Mestre Engenheira Agronôma Integral
Elton Marinho Especialista Análise de Sistemas Integral
Emerson Noleto Silva Mestre Engenheiro Agronômo Parcial
Emília Rezende Prado Especialista Engenheira Agronôma Integral
Fernanda Gomes da Silva Nakamura Especialista Letras Integral
Julio Cezar Silveira Nunes Doutor Engenheiro Agronômo Integral
Kássia Aparecida Garcia Barbosa Ávila Doutora Engenheira Agronôma Parcial
Kelly Cristiene de Freitas Borges Doutora Bióloga Integral
Lívia Abdala Especialista Engenheira Agrícola Parcial
Lourenço Guimarães de Almeida Especialista Engenheiro Agronômo Integral
Lyno Régis de Paula Fernandes Especialista Engenheiro Químico Parcial
Pauletti Karllien Rocha Mestre Engenheira Agronôma Integral
Paulo Eterno Venancio Assunção Mestre Engenheiro Agronômo Parcial
Renata Lima Paixão Mestre Bióloga Integral
Riccely Ávila Garcia Doutor Engenheiro Agronômo Integral
Roberta Mendes Isaac Ferreira Especialista Bióloga Integral
Rogério Henrique Ohhira Especialista Biólogo Integral
Sílvio Luiz de Carvalho Especialista Engenheiro Agronômo Parcial
Uirá do Amaral Doutor Engenheiro Agronômo Integral
Vandenilce Sandra de Sousa Doutora Médica Veterinária Integral
Welthon Rodrigues Cunha Doutor Biólogo Integral
Werica Souza Martins Especialista Matemática e Engenharia Civil Parcial

RESULTADOS OBTIDOS EM AVALIAÇÕES INTERNAS E EXTERNAS DO CURSO

O curso de bacharelado em Engenharia Agronômica da FAFICH tem como público alvo e via de acesso:

  • Portadoras de diploma do Ensino Médio ou equivalente, desde que tenha sido classificado em exame de admissão, ou seja, por vestibular;
  • Portadores de diploma de cursos superiores correspondentes ou afins. Portanto é necessário que tenha sido classificado em exame próprio de seleção, e condicionado à existência de vagas não preenchidas.
  • Transferência Interna e Externa de Instituições de Ensino Superior, desde que tenha sido classificado em exame próprio de seleção, e condicionado à existência de vagas não preenchidas.

A via de acesso ao curso é por vestibular presencial, presencial agendado, transferências interna e externa e, como portador de diploma, com a abertura de editais.